Home Atas Ata
Câmara Arcoverde 17/09/2018

ATA DA 6ª (SEXTA) SESSÃO ORDINÁRIA DO 2º (SEGUNDO) PERÍODO LEGISLATIVO, EM 17 (DEZESSETE) DE SETEMBRO DE 2018 (DOIS MIL E DEZOITO).

Aos dezessete dias do mês de setembro do ano dois mil e dezoito, às dezenove horas e trinta minutos, na Câmara de Vereadores, estiveram presentes para a sexta sessão do segundo período Legislativo os (as) seguintes vereadores (as): Cybelle Gomes, Everaldo Lira, Geraldo Vaz, João Heriberto, Wevertton Siqueira e Zirleide Monteiro, sob a Presidência da vereadora Célia Almeida. Justificou a ausência dos vereadores João Batista e Cleriane Alves. A sessão foi declarada aberta com as palavras da presidente que saudou a todos. Lida, foi aprovada a ata da sessão anterior em Primeira e Segunda votação. Em seguida, liberou a palavra ao Primeiro Secretário, que informou que não havia Expediente para aquela sessão. De imediato, a Presidente deu início ao PEQUENO EXPEDIENTE e autorizou a palavra à vereadora CYBELLE GOMES. Requereu à Prefeita: 1. a) Retirar metralhas nas ruas: Joaquim Tenório Cavalcante, Joel de Holanda, Arcelino de Brito, Trav. e Rua 22 de Março – Boa Vista; b) Substituir luminárias na Trav. e na Rua Joaquim Tenório Cavalcante – Boa Vista; c) Requerer resposta referente as reivindicações dos ASBS (Assistentes de Saúde Bucal); 2) Moção de Pesar aos familiares de Josino Cardoso Stampini em virtude de seu falecimento. Aprovados com a associação de todos os vereadores. JOÃO HERIBERTO. Requere à Prefeita: Desobstruir a galeria da Rua Manoel Borba – São Cristóvão; b) Complementar o calçamento das ruas: Manoel Sinuca Mulatinho – São Geraldo, Cícero Monteiro de Melo – São Cristóvão e 13 de Junho – São Miguel; c) Substituir luminária do poste nº G009526, Rua 09 – COHAB II. Aprovados com a associação de Zirleide. EVERALDO LIRA. 1,a) Moção de Pesar aos familiares de José Vidal de Oliveira em virtude de seu falecimento. Aprovada com a associação de todos os vereadores e subscrito por Célia. WEVERTTON SIQUEIRA. Requereu à Prefeita: 1.a) Extensivo ao comandante do 3º BPM e à presidente da Associação Comercial, instalação de uma base comunitária de segurança da polícia militar, ao lado da praça do Senadinho. 2) Moção de Aplauso à 1ª Sgtª. Cândice, ao 3º sargento Ednaldo e ao Sd. Siqueira, pela realização da formatura do PROERD (Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência). Aprovados. A moção de aplauso teve a associação de Célia. ZIRLEIDE MONTEIRO. Requereu à Prefeita: a) Consertar o calçamento da Rua Marcílio Dias – São Geraldo; b) Desobstruir a galeria da Rua Sete de Junho – Boa Esperança; c) Substituir luminárias nos postes da Rua Joaquim de Brito Cavalcante – Centro; d) Regularizar a coleta de lixo na Rua 18 de Agosto – Santos Dumont; e) Retirar metralhas na Rua Marcílio Dias – São Geraldo e Jacinta Sampaio Feitosa – São Cristóvão e fazer capinação rasteira na Rua Jacinta Sampaio Feitosa, ao lado da escola Senador Vitorino Freire. 2) Ao gerente da COMPESA, conserto na distribuição de rede da Rua das Acácias – São Cristóvão e Trav. da Pça. da Bandeira com a Rua Alcides Cursino. Aprovados e com a associação de todos os vereadores no requerimento da retirada de metralhas. Encerrado o Pequeno Expediente, a Presidente iniciou o GRANDE EXPEDIENTE e outorgou a palavra à vereadora CYBELE GOMES. Falou sobre a insegurança da população arcoverdense quanto à escuridão, além de buracos, entulhos, lixo e o grave problema da caixa que recolhe os esgotos das residências do loteamento Maria de Fátima Freire, que já transbordou e os dejetos estão escorrendo pelas ruas, como também, o problema grave do buraco na Rua Acre, no bairro do São Cristóvão. EVERALDO LIRA. Falou que as ações de retirada de lixo e entulhos, tapa buracos, substituição de lâmpadas, desmatamento, roço, terraplanagem, galerias, entre outras, da prefeitura eram contínuas. “Vamos seguir em frente”, concluiu Everaldo. LUÍZA MARGARIDA. Parabenizou a Prefeita pelos trabalhos realizados na cidade e na zona rural, mesmo com dificuldades, a prefeita estava trabalhando. Agradeceu ao secretário de obras por ter sido atendida quanto ao pleito na desobstrução de galerias no bairro Sucupira. Avisou aos moradores da Rua Alfredo de Souza Padilha que as lâmpadas da academia das cidades quebradas pelos os vândalos seriam substituídas. Justificou a ausência dela na última sessão. “Faltei por um motivo muito justo”, concluiu Luíza. CÉLIA ALMEIDA. Convidou toda população arcoverdense para a reinauguração da Câmara de Vereadores no próximo dia 19 de setembro às 19h30. Falou da importância do elevador para mobilidade de pessoas com deficiência e idosos e informou que a prestação de contas seria encaminhada para o Tribunal de Contas e Ministério Público. Chamou a atenção da população para o dia da eleição, analisando as propostas e o passado dos candidatos. Falou dos problemas do INSSS em que muitas pessoas que precisavam da aposentadoria não conseguiam, era negada, enquanto outros que não necessitavam, conseguiam. Comentou sobre alguns problemas do Brasil como: O aumento do desemprego com quase quatorze milhões de desempregados, a subida do dólar, a desvalorização do real, o PIB (Produto Interno Bruto) caiu e o salário mínimo achatou, e enfatizou a importância das reformas no país. ZIRLEIDE MONTEIRO. Fez comentários sobre o desgoverno de Paulo Câmara, como a má conservação das estradas, a falta de médicos, medicamentos e pacientes sendo atendidos no chão por falta de leitos nos hospitais. Falou da perda da emenda para a construção do parque linear, advinda do senador Armando Monteiro, do não pagamento pela prefeita dos precatórios da educação. Falou da vinda da UPE com os cursos de Direito e Odontologia. Uma ação do ex-prefeito Zeca. Enalteceu o ex-ministro da Educação, Mendonça Filho, pela grande conquista de trazer para Arcoverde a Faculdade de Medicina, atendendo ao pedido do deputado federal Zeca Cavalcanti. Falou que os agentes de endemias não recebiam um incentivo adicional que era um direito deles, desde o ano de 2013. Indagou da prefeita onde estava sendo utilizado tal dinheiro. Célia lembrou que a faculdade técnica veio no governo do presidente Michel Temer com grande empenho do ex-ministro Mendonça Filho que também liberou recursos para instalações de creches. Célia disse que a prefeita deu sequência ao trabalho de Zeca. Zirleide fez comentários sobre o veto da prefeita, ao projeto de lei dos precatórios da educação. Não havendo mais nenhum (a) vereador (a) a fazer uso da palavra, a senhora Presidente deu por encerrada a sessão, agradecendo a presença de todos e os convidando para a próxima sessão no dia 24 de setembro, às 19h30. Nada mais a ser deliberado na Ordem do Dia eu, Maria Mônica Côrte-Real Ribeiro, secretária Ad-hoc para esta sessão, redigi e digitei a presente ata a qual será transcrita por Maria de Fátima Elizeu Lima.